Espaço Experience e Startups

(06/06/2017)

Em busca de novos desafios e negócios, Eldorado lança modelo inovador de aceleração de startups e o espaço Experience

Juntamente com a aceleradora Baita e empresas parceiras, o Instituto criou uma iniciativa de inovação aberta e corporate garage, visando auxiliar na aceleração tecnológica de Startups.

O Eldorado conta com um processo de desenvolvimento end-to-end, possui uma ampla rede de parceiros e atua desde a pesquisa aplicada até a produtização de projetos. Esses elementos fazem com que o Instituto proporcione um ambiente favorável e inovador para o desenvolvimento de Startups, oferecendo toda a infraestrutura e consultoria necessárias para prover a transformação de temas e ideias em negócios.

“Criamos um espaço para acolher as Startups aqui dentro, com um conceito inovador de ‘aceleração tecnológica’. Além do fortalecimento do modelo de negócios, a ideia é que as empresas nascentes utilizem a estrutura laboratorial e a equipe técnica do Eldorado para tornar suas soluções mais robustas e, consequentemente, aumentar suas chances de sucesso no mercado”, explica Jaylton Ferreira, Superintendente do Eldorado.

Além disso, o Instituto conta com uma rede de parceiros nos diversos segmentos de mercado e na área acadêmica, que suporta o processo de mentoria no desenvolvimento de produtos, soluções e negócios, desde a sua concepção até a inserção e expansão de mercado, acelerando, assim, a curva de amadurecimento da Startup.

O primeiro edital para a seleção das Startups está previsto para sair ainda no segundo semestre deste ano.

Espaço Startups

Eldorado lança o espaço Experience e aposta em novos nichos de mercado

O Instituto de Pesquisas Eldorado é um dos maiores centros de P,D&I do país. Nos últimos cinco anos, o Instituto teve um aumento expressivo em seu faturamento, que saltou de R$ 91 milhões, em 2011, para R$ 181 milhões, em 2016. No mesmo período, o número de pesquisadores e desenvolvedores também cresceu de 500 para mais de 800. No ano passado, o Eldorado executou mais de 140 projetos de P&D, com mais de 60 empresas, como Arris, CPFL, Dell, EMC, Foxconn, HP, IBM, Lenovo, LG Eletronics, Magneti Marelli, Microsoft, Motorola, Samsung, Smart Brazil, Technicolor, Toledo, Toshiba Medical e UOL.

“Nosso objetivo é sempre alcançar resultados melhores, crescendo, investindo em inovação e primando pela excelência”, conta Ferreira. Visando a essas metas, o Eldorado criou o espaço Experience na unidade de Campinas, que simboliza as iniciativas nesse sentido. Trata-se de um ambiente voltado à exposição das expertises do Instituto e uma oportunidade única para que os potenciais parceiros construam, com os especialistas, soluções inovadoras e oportunidades de novos negócios.

Há alguns anos, o Instituto empreende esforços na diversificação de seu portfólio, para mercados como o de Agronegócio, Mineração, Petróleo e Gás, entre outros. Assim, por meio desse espaço, será possível mostrar os cases de sucesso e o know-how do Eldorado em tecnologias emergentes, como IoT, Big Data, Analytics, entre outras, e assim, expandir suas verticais de negócios.

Nos últimos anos, o Eldorado já aprofundou seus esforços na área de Energia. Um exemplo, é o Projeto de Treinamento Virtual em Subestações de Energia Elétrica, desenvolvido para a CPFL Energia, que utiliza a realidade virtual e foi concebido para treinamento e reciclagem dos eletricistas da empresa.

Outro novo mercado é o de Saúde, que conta com cases de sucesso, como o TrackBee, uma solução de localização indoor que faz a gestão de profissionais que atuam no transporte intra-hospitalar de pacientes e equipamentos no Hospital das Clínicas da Unicamp.

Ainda na área de Saúde, o Eldorado também desenvolveu uma plataforma de ultrassom para diagnóstico médico em cooperação com a Rede Brasileira de Ultrassom, criada e coordenada pela Unicamp. Outro destaque nesse setor é um sistema que auxilia no diagnóstico de Alzheimer, aplicando técnicas de machine learning e reconhecimento de padrões em imagens de ressonância magnética.

 

Espaço Experience

Interior do Experience

A sala foi inspirada na Sequência de Fibonacci